Arquivo da tag: blog mulheres contra o feminismo

Loucuras feministas da seita esquerdista: feminista suja urna com sangue de absorvente, danifica o equipamento e grita “LULA LIVRE”

Padrão

Muitas vezes falamos sobre política por ser algo importante pois isso afeta as nossas vidas.

Se colocarmos o feminismo no meio, devemos por motivos ainda mais claros falar sobre política. Querem saber o motivo? Pois bem, o feminismo sempre foi e sempre vai ser um movimento ligado a esquerda aonde mulheres fracas, frustradas, algumas desavisadas e outras na sua maioria sociopatas servem como massa de manobra barata da esquerda de Lula, do PT e outras quadrilhas ligadas a esquerda. E querem viver de mamata com o nosso dinheiro. 

No dia 28 de outubro votaremos para decidir quem vai ser o novo presidente do Brasil. E de um lado temos Bolsonaro com o apoio de atletas, membros da nossa familia real, Olavo de Carvalho e do povo. Do outro lado temos um candidato da principal seita da esquerda no Brasil, o PT, que comanda os partidos nanicos da esquerda. Esta seita nos roubou e patrocinou ditaduras, o Foro de SP, movimentos terroristas como o MST e outros absurdos. Podemos ver Lula xingando mulheres, chamando pessoas do sul de “viado” e viajando para o exterior vendendo mentiras sobre o Brasil. Sua boneca, Dilma, falava como uma viciada em crack e se aliou com as piores raposas velhas do nosso governo. O RELATIVISMO MORAL E a a LAVAGEM CEREBRAL feita por esta seita nas nossas universidades fez com bandidos virassem coitados e outros absurdos.

Mas quem ainda os defende? Podemos ver o perfil das feministas loucas que defendem esta gente quando votaram no primeiro turno faz alguns dias.

Uma mulher foi detida após danificar uma urna eletrônica, no Colégio Maria Inês Rodrigues, na manhã de domingo (7), em Ibiporã.

Testemunhas contaram que a suspeita estava descontrolada, quando jogou a urna no chão e começou a gritar “Lula Livre” e outras palavras de ordem. Além disso, a mulher também sujou a urna com sangue de um absorvente.

O Fórum Eleitoral da região e a Polícia Militar (PM) informaram que a mulher foi detida em flagrante. O PM que estava no local precisou acionar reforços, para conseguir encaminhar a suspeita à delegacia.

Ela foi levada à unidade e deve responder por crime eleitoral. A urna danificada foi substituída e a votação no local foi normalizada. De acordo com a Polícia Civil, a mulher tem 25 anos e já foi candidata a vereadora em Ibiporã.

Enfim, este acontecimento talvez gere um terceiro texto (leiam o primeiro aqui)  sobre as coisas mais nojentas feitas pelas feministas, as prostitutas baratas da esquerda que jogam a dignidade de qualquer mulher no lixo pois somente defendem coisas doentias.

Absurdos como este foram postados muitas vezes aqui no blog.

Logo, na hora de votar no dia 28 devemos escolher entre a seita esquerdista que tem como militante estas porcas loucas ou dar uma change a Bolsonaro que quer colocar o Brasil no lugar que deveria estar. Longe de Bolsonaro ser perfeito mas achamos que Bolsonaro provavelmente venha a trazer boas novidades desde a economia, a diplomacia e valores morais, coisas muito carentes na nossa sociedade.

 

#MulherescomBolsonaro, #gayscomBolsonaro: o terror da esquerda

Padrão

A esquerda sempre usou de guerra entre classes (jogar A contra B) em muitos lugares do planeta para dividir o povo, causar certo tumulto e tomar o poder usando e palavras bonitas e a mentira de um mundo perfeito de igualdade. Isto sempre foi um truquezinho sujo da esquerda em todo o planeta.

Mas basta olharmos em lugares como Cuba e Venezuela que aonde existe esquerda, existe fome, morte e muita pobreza ao mesmo tempo que seus governantes ditadores vivem com tudo do bom e do melhor enquanto o povo tem que fugir para os Estados Unidos. Mas as nossas universidades e intelectuais de esquerda tanto falam contra o capitalismo em uma amostra imbecil e antiquada de anti-americanismo juvenil sendo que querem viajar para o exterior e fazer compras tomando bebidas quentes aromatizdas fingindo serem descolados e gravando tudo no I-phone.

Dois grupos em especial dizem ser defendidos pela esquerda: gays e mulheres. Ambos são usados pela esquerda como massa de manobra para dividir a sociedade e criar o caos.

Mas basta estudar um pouco e pesquisar sem cair nas mentiras emotivas e apelativasa da esquerda que percebemos mulheres contra o feminismo (nosso grupo) sendo que grande parte delas apoia Bolsonaro nesta corrida eleitoral por a) ser contra o feminismo e o resto da agenda esquerdista b) ser a melhor alternativa com chance entre os outros candidatos para tirar a seita do PT com sua sede ditatorial pelo poder.

Longe de ser perfeito #Bolsonaro parece ser a melhor alternativa pois se mostra contra o Foro de SP e outros absurdos defendidos pela esquerda.

O outro grupo que cresce? Bem, os #gaysdedireita que hoje apoiam #Bolsonaro, os #gayscomBolsonaro

Todo gay que estudou sobre o passado deveria ter o dever moral de ser contra a esquerda. Por qual motivo algumas pessoas poderiam perguntar? Ora, por onde o esquerdismo tomou poder, gays foram enviados a campos para serem “re-educados” e muitos acabaram torturados e mortos. Embora muitas pessoas achem todos os gays intelectuais existe muito gay desavisado sobre como os comunistas russas matavam gays em gulags. E em solo latino-americano muitas coisas deste tipo igualmente aconteceram.

Deixamos o posto e pequenos filmes de #gayscomBolsonaro. Isto causa dor de barriga na esquerda. Você, gay de direita, mostrou e mostra que é patriota nato, apaixonado pela sua nação e por isso quer ver mudanças. Está do lado da moralidade e da ética e não dos privilégios do politicamente correto. Interessante notar que muitos #gaysdedireita igualmente foram contra o kit gay e filmes pornográficos nas escolas para menores de idade.

Texto de Kauan Carvalho, gay que apoia Bolsonaro:

Sofri bullying, sofri homofobia, mas eu sofro muito mais diante de toda violência, criminalidade que aterroriza o país e que atinge gays, heteros, brancos, negros, homens, mulheres, ricos, pobres.. sem distinção e a impunidade que estarrecedoramente prevalece pras “vítima da sociedade”, sofro muito mais com a bandidagem que tomou conta do país e com o medo consequente de andar na rua, de pegar um ônibus, sofro muito mais com a falta de liberdade por causa da violência, sofro muito mais com o caos generalizado, com a desordem funesta que se tornou o Brasil, país onde sou obrigado a viver pelas minhas circunstâncias e que não quero que aqui piore e se torne uma Venezuela, Jair Messias Bolsonaro não é perfeito, mas é o único presidenciável que nitidamente representa solução pra este país destroçado pelo que a esquerda fez em décadas, só Bolsonaro pode aproveitar o que restou do Brasil e reerguer este país ou então continuamos na mesma ou nos tornamos uma Venezuela #EleSim #BolsonaroPresidente#BolsonaroSim #GaysComBolsonaro

Resumo: pessoas de todos os tipos cansaram do PT e o resto da esquerda que vivem no seu mundo faz de conta. E todos preferem Bolsonaro ao mais do mesmo da esquerda com o seu Foro de SP querendo destruir o Brasil.

Mulheres ganham menos que homens? Mentira. Professora Christina Hoff Sommers e Dr Jordan Peterson explicam com fatos o que Bolsonaro quis dizer

Padrão

As feminazi sempre ficam de mimimi quando fala-se sobre os ganhos salariais de homens e mulheres. E faz um bom tempo atacam o Bolsonaro com esse “mimimi machismo” por ele supostamente ter afirmado que mulheres devem ganhar menos que homens. Essa é de longe uma das mentiras mais propagadas pelo movimento feminista, movimento esse que consegue enganar muitas pessoas vendendo uma mentira: O de que as mulheres são “oprimidas” na sociedade ocidental.

Pois bem, vamos ser racionais sem o tal fanatismo feminista e os fatos baseados em pesquisa.

Os fatos citados que queremos analizar nem nascem das falas de Bolsonaro e sim da Professora Christina Hoff Sommers, uma escritora, professora e filósofa norte-americana, conhecida por sua crítica ao feminismo e o Doutor em Psicologia Dr Jordan Peterson. Christina e Jordan faz um bom tempo que ficaram populares na internet por desmascarar as feministas em universidades. 

Ambos explicam os reais motivos porque homens e mulheres ganham menos de modo racional e com dados.

Obviamente que as feminazi como sempre puxam aquele mito da igualdade em todos os setores da sociedade (como os comunistas sempre fizeram) para gerar mais conflito e alvejando mulheres frustradas, emotivas e cegas pelo esquerdismo.

Neste pequeno filme abaixo Christina Hoff Sommers desfaz alguns dos mitos propagandeados por grupos feministas e desmascara a verdade inconveniente por trás desses movimentos.

Perguntas para as feministas:

1-Se as mulheres ganham menos porque os empregadores (que querem lucro) ainda contratam homens? Que lógica é essa? Seriam os empregadores malucos?

2-Se falarmos de igualdade salarial outra pergunta deve ser feita. Entre um grupo de mulheres do mesmo campo profissional todas ganham a mesma coisa?

Provavelmente não e ninguém vai ver feminista tendo ataque por isso. Ué, que igualdade é essa?

3-Se as feministas tanto querem igualdade no trabalho porque alguns tipos de trabalho como pedreiro, mineiro e muitos outros trabalhos perigosos que exigem força física ainda na sua maioria são feito por homens e ninguém nunca viu feministas lutando e fazendo fila para pegar estes empregos? Não somos todas/os iguais e o gênero é uma construção social? Provavelmente ninguém vai ver feminista tendo ataque por isso porque elas querem “igualdade” quando é conveniente e criam esta conversa para gerar conflito na sociedade, algo típico de todo esquerdista.

O fato é: salários são baseados em acordos e lei de oferta e procura. Simples economia.

Esta não é uma questão de gênero e nunca foi. Quem mais geral lucro tem o poder de barganhar  um salário maior. Quem trabalhar 70 horas semanais vai ganhar mais que quem trabalha 10.  É entre você e o mercado. Este é um simples caso de capitalismo. Isso não é diferença de remuneração entre homens e mulheres e simplesmente lei de mercado: oferta, procura . Você é compensado com base no valor que gera. A lutadora de MMA Ronda Jean Rousey desmascarou uma feminista que veio com esta conversa  mentirosa de desigualdade salarial neste vídeo aqui.

Se as leitoras e leitores quiserem se aprofundar mais neste mentira feminista da desigualdade salarial entre homens e mulheres sugerimos ler este  excelente artigo de economia do site Spotniks

Abaixo podemos conferirs duas partes da famosa entrevista do Dr. Jordan Peterson à jornalista feminazi Cathy Newman, do Channel 4 do Reino Unido. Assistam toda a entrevista no youtube. Jordan humilha a feminista raivosa esquerdista caviar com calma e gentileza. E desmente o mito de que mulheres  ganham menos que homens por simplesmente serem mulheres.

Feminista do PSOL -São Paulo Isa Penna gasta em um mês do que a grande maioria dos outros vereadores gastaram no semestre todo.

Padrão

Em post no facebook a feminista do PSOL de São Paulo Isa Penna confirma o que sempre sabemos: Esquerdista gosta de ser um parasita e pregar socialismo ao mesmo tempo que vivem de luxo com o dinheiro pago dos nossos impostos. Por isso defendem um Estado gordo e demonizam empresas ao mesmo tempo que querem mais impostos.

Por isso os esquerdistas odeiam tanto conservadores como Bolsonaro e liberais pois estes querem diminuir o Estado e impostos.

A tal feminazi mesmo respondeu no Facebook um internauta que questionava os gastos exagerados dela: “Dinheiro público tá ai pra ser gasto com o povo babaca”.

Ou seja mama nas tetas do governo e chama o povo de babacas.

Primeiro,não existe dinheiro público, é dinheiro dos pagadores de impostos. Segundo, isso não seria quebra de decoro e incentivo a corruptos e abusadores do sistema? E mesmo assim depois a esquerda quer falar de “respeito e ser tolerante”?

Mas como sabemos a esquerda se acha acima das leis e por pensarem monopolizar a virtude podem pregar o roubo, roubar o nosso dinheiro, pregar a morte e estupro, serem racistas que nada acontece. Estas são as representantes das feministas no nosso governo. Uma esquerda nojenta, irresponsável e leviana.

O PSOL é uma versão moderna e piorada do PT. Cada vez mais malucos de Norte a Sul do Brasil. Podem falar de paz e amor mas são mais do mesmo.

A tal feminazi foi desmascarada ao vivo no Pânico da Jovem Pan. Reparem como a feminista não deixa os outros falarem e fica com aquele mimimi de oprimida de sempre.

Jornalistas da mídia esquerdista: Jornalistas feministas afirmam que o infarto é causado por “machismo”

Padrão

Depois da vergonhosa tentativa de entrevistar Jair Bolsonaro aonde os jornalistas do imparcial Roda Viva ficaram mais preocupados em achar pelo em ovo com aqueles eternos mimimis da esquerda agora foi a vez da UOL mostrar a sua agenda esquerdista (no caso ligado ao movimento feminista).

Fica cada vez mais clara para as pessoas desavisadas que os veículos que querem ser “alternativos”  assim como os grandes da mídia  são todos na quase sua maioria, rigorosamente de esquerda. Tudo isso se deve a lavagem cerebral executada por anos por professores militantes adeptos de qualquer coisa ligada a esquerda.

Pois bem, em um texto UOL jornalistas feministas afirmam que o infarto é causado por “machismo”.

Ora, juravamos que infartos se dessem por estresse, estilo de vida sedentária,má alimentação, tabagismo,predisposição genetica para problemas cardìacos e hipertensão. Mas segundo as feminazi o  patriarcado que com sua mão maligna oprime tanto que faz uma mulher infartar. Lembram muito aquela presidente de esquerda de algum lugar aqui perto que disse que somente rico tem diabetes.

Psicopatas do pior tipo que mentem sem pensar nos seus atos.

Sinceramente, feministas tem problemas mentas e incapazes de raciocinar culpam qualquer um por quaquer coisa. O jornalismo doentio da  esquerda praticado abundantemente no Brasil mostrou a sua cara finalmente e hoje virou chacota na boca do povo. Quem acredita neste tipo de jornalista? Somente zumbi cego da esquerda ou intelectual esquerda caviar que acha tudo da esquerda uma coisa linda. Ambos atacam fatos e mentes racionais.  Mesmo que você prove o contrário esse pessoal está tão doutrinado que não vai aceitar fatos reais.

Fonte: Caneta desesquerdizadora

Novo ou velho?Partido Novo defendendo o velho feminismo, ataque a escola sem partido e em defesa da agenda globalista

Padrão

Postamos no Facebook das #mulherescontraofeminismo sobre aquele tipo de pessoa “neutra” que diz ser contra a esquerda e direita por serem “iguais”. Este tipo de pessoa se comporta de maneira desonesta pois existe um abismo que separa a direita e a esquerda.

Muitos destes “neutros” dizem apoiar o Partido Novo. Este partido tem como proposta romper a velha politicagem e diz apoiar pessoas com novos pensamentos. Tem como principal lema o livre mercado, baixos impostos e uma abertura na economia. Bem, conservadores querem a mesma coisa na economia em muitos aspectos.

Pois bem, parece que o tal Novo “neutro e racional” anda seguindo a velha esquerda do Foro de SP que domina o Brasil faz anos em muitos aspectos. E ISTO PARECE SER BEM ESTRANHO para quem diz querer mudar as coisas.

Primeiro, apoiam o feminismo, Ideologia de Gênero e o candidato a presidente do Novo aceita os termos usados pela esquerda. O tal candidato do Novo por sinal ataca Bolsonaro mas fica quieto ao falar da Manuela , Marina e outros. O pessoal do Novo pode saber de economia mas desconhece o aspecto cultural na luta contra a esquerda como podemos ver nos vlogs abaixo.

Segundo, tem candidatas que se dizem contra a #Escola sem partido que negam a CLARA lavagem cerebral que existem nas nossas escolas e universidades.

Terceiro, apoiam a agenda globalista da ONU por completo que tem o patrocinio de George Soros.

Ora, que tipo de partido que se diz liberal (mais a direita em muitos aspectos) apoia tantos movimentos ligados a esquerda?

Bem, pelo visto o NOVO parece o velho PSDB maquiado com um liberalismo fake.

 

MITO: esquerda e direita iguais? Nada. A Globo defende a pedofilia.

Padrão

Ultimamente tem crescido um movimento politicamente ligado ao “centro” aqui no Brasil.

Tal movimento acha que esquerda e direta se comportam de modo similar e que o povo deve se unir contra “radicalismos”.  Consideram-se os “bonzinhos, mimosos” e mais capazes que os demais.

Pois bem, vamos raciocinar aqui:  Quem gostaria de investir em empresas, tecnologias e pagar menos impostos? Ganhar mais com uma moeda forte. Uma sociedade com Estado pequeno.  Quem gostaria que as pessoas ficassem tranquilas por viverem em uma sociedade mais segura aonde bandidos fossem condenados e os policiais tivessem treinamento e fossem valorizados. Quem gostaria de viver em um lugar aonde existisse responsabilidade e nossos familiares e filhos fossem valorizados. Uma sociedade aonde homem e mulher fosse companheiros sem guerra entre classes. Aonde pessoas de todas as cores e credos sejam respeitados pelos bons valores que defendem. Aonde o certo fosse o certo e o errado fosse o errado.

Pois bem, esta sociedade citada tem valores conservadores e liberais (logo, mais a direita).

Mas e a esquerda? Sempre foi boazinha paz e amor, certo?

A esquerda dominar o poder no Brasil faz mais de 12 anos. A esquerda defende pedófilos, sexo entre pais e filhos, Lula bandido, feministas aborteiras que ficam de mimimi oprimidas mas se comportam de maneira infantil querendo mais poder do papai Estado. Feministas estudam teorias loucas, saem peladas nas ruas, defendem funkeiras que queimam o filme do Brasil e da mulher brasileira mundo afora, defendem o BBB do Jean Wyllys e tudo o mais. A mesma esquerda quer se aliar com a ditadura cubana e venezuelana, que apoia o Foro de SP e quer copiar o pior da Europa socialista. A mesma esquerda fica calada quando atores globais de esquerda atacam mulheres contra o feminismo. As mesmas feministas da esquerda querem castrar homens. A esquerda defende o aborto de meninos por serem meninos (foto acima). A esquerda sabota relacionamentos em nome da “igualdade” (mantra esquerdista). A esquerda que “ofende” a rede Globo sendo que os jornais globais defendem a agenda globalista e 95% dos artistas globais defendem o feminismo e todo o resto da agenda esquerdista.

POSTAMOS MUITOS ARTIGOS SOBRE O FEMINISMO E OUTROS MOVIMENTOS NOJENTOS LIGADOS A ESQUERDA.

Logo, chapas brancas em cima do muro, aprendam uma coisa: acreditar isso por ser inocente em 2018 parece ser algo bem duvidoso. Existe um mar que separa pessoas de direita e esquerda. Desde a economia a valores morais e culturais.

A direita nunca defendeu pedófilos como a esquerda faz. E detalhe: Olavo de Carvalho preveu isso faz muito tempo.

E se você pessoa de centro- neutra fica em cima do muro para evitar debates racionais com seus amigos de esquerda mas ao mesmo tempo trabalha duro para deixar impostos para um governo corrupto esquerdista que paga o MST, as feminazi aborteiras e defende bandido, minha amiga/ meu amigo, você faz parte do problema por se omitir e negar fatos. Você tem pouco a reclamar quando um grupo ligado a esquerda como o Estado grande via impostos ou um bandido armado vierem a atacar você.

O relativismo sempre deixa a porta aberta para esquerdistas nada bem intencionados.