Mulheres ganham menos que homens? Mentira. Professora Christina Hoff Sommers e Dr Jordan Peterson explicam com fatos o que Bolsonaro quis dizer

Padrão

As feminazi sempre ficam de mimimi quando fala-se sobre os ganhos salariais de homens e mulheres. E faz um bom tempo atacam o Bolsonaro com esse “mimimi machismo” por ele supostamente ter afirmado que mulheres devem ganhar menos que homens. Essa é de longe uma das mentiras mais propagadas pelo movimento feminista, movimento esse que consegue enganar muitas pessoas vendendo uma mentira: O de que as mulheres são “oprimidas” na sociedade ocidental.

Pois bem, vamos ser racionais sem o tal fanatismo feminista e os fatos baseados em pesquisa.

Os fatos citados que queremos analizar nem nascem das falas de Bolsonaro e sim da Professora Christina Hoff Sommers, uma escritora, professora e filósofa norte-americana, conhecida por sua crítica ao feminismo e o Doutor em Psicologia Dr Jordan Peterson. Christina e Jordan faz um bom tempo que ficaram populares na internet por desmascarar as feministas em universidades. 

Ambos explicam os reais motivos porque homens e mulheres ganham menos de modo racional e com dados.

Obviamente que as feminazi como sempre puxam aquele mito da igualdade em todos os setores da sociedade (como os comunistas sempre fizeram) para gerar mais conflito e alvejando mulheres frustradas, emotivas e cegas pelo esquerdismo.

Neste pequeno filme abaixo Christina Hoff Sommers desfaz alguns dos mitos propagandeados por grupos feministas e desmascara a verdade inconveniente por trás desses movimentos.

Perguntas para as feministas:

1-Se as mulheres ganham menos porque os empregadores (que querem lucro) ainda contratam homens? Que lógica é essa? Seriam os empregadores malucos?

2-Se falarmos de igualdade salarial outra pergunta deve ser feita. Entre um grupo de mulheres do mesmo campo profissional todas ganham a mesma coisa?

Provavelmente não e ninguém vai ver feminista tendo ataque por isso. Ué, que igualdade é essa?

3-Se as feministas tanto querem igualdade no trabalho porque alguns tipos de trabalho como pedreiro, mineiro e muitos outros trabalhos perigosos que exigem força física ainda na sua maioria são feito por homens e ninguém nunca viu feministas lutando e fazendo fila para pegar estes empregos? Não somos todas/os iguais e o gênero é uma construção social? Provavelmente ninguém vai ver feminista tendo ataque por isso porque elas querem “igualdade” quando é conveniente e criam esta conversa para gerar conflito na sociedade, algo típico de todo esquerdista.

O fato é: salários são baseados em acordos e lei de oferta e procura. Simples economia.

Esta não é uma questão de gênero e nunca foi. Quem mais geral lucro tem o poder de barganhar  um salário maior. Quem trabalhar 70 horas semanais vai ganhar mais que quem trabalha 10.  É entre você e o mercado. Este é um simples caso de capitalismo. Isso não é diferença de remuneração entre homens e mulheres e simplesmente lei de mercado: oferta, procura . Você é compensado com base no valor que gera. A lutadora de MMA Ronda Jean Rousey desmascarou uma feminista que veio com esta conversa  mentirosa de desigualdade salarial neste vídeo aqui.

Se as leitoras e leitores quiserem se aprofundar mais neste mentira feminista da desigualdade salarial entre homens e mulheres sugerimos ler este  excelente artigo de economia do site Spotniks

Abaixo podemos conferirs duas partes da famosa entrevista do Dr. Jordan Peterson à jornalista feminazi Cathy Newman, do Channel 4 do Reino Unido. Assistam toda a entrevista no youtube. Jordan humilha a feminista raivosa esquerdista caviar com calma e gentileza. E desmente o mito de que mulheres  ganham menos que homens por simplesmente serem mulheres.

»

  1. A melhor pergunta que pode ser feita é:
    Em qual empresa que as mulheres ganham menos do que homens?

    Ainda mais que é contra a lei, e a empresa estaria sujeita a pagar uma multa gigantesca por isto.

  2. Para essas mulheres que reclamam que ganham menos que homens façam como a Oprah Winfrey estudem trabalhem duro e vão a luta ao invés de ficarem de choradeira e antes que me xinguem de “macho escroto” vão estudar a história de vida da Oprah e parem de mimimi.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s