Atletas transsexuais competem contra mulheres roubando espaço feminino e feministas ficam caladas.

Padrão

Muitas pessoas andaram postando recentemente sobre atletas transsexuais que competem contra mulheres. E mais uma vez as feministas ficam caladas. Mais um caso de hipocrisia da seita feminista para defender a mentirosa teoria de gênero? Provavelmente.

Basta saber um pouco de biologia para saber que geralmente homens fisicamente nos superam se falarmos no quesito força fisica. Issa nada tem a ver com odiar homem, mulher, desigualdade ou qualquer outro mimimi feminista. Trata-se somente de um fato. 

Mas mesmo assim as feministas apoiam transsexuais competindo contra mulheres.

Que ironia do destino para as feministas de 2018: homens fisicamente mais fortes com o apoio das feministas vencendo mulheres e tudo isso suportado pelo politicamente correto.

Vamos ver alguns exemplos  que recentemente causaram nas redes sociais:

A ex-jogadora de vôlei Ana Paula Henkel usou suas redes sociais para criticar a liberação de Tifanny Abreu para atuar na Superliga feminina, o que a torna a primeira transexual a atuar na elite do vôlei brasileiro.  A ex-jogadora de vôlei questionou se atletas trans não teriam vantagem sobre atletas biologicamente mulheres. Tifanny Abreu, jogadora transexual, durante as partidas se mostra bem mais forte que as jogadoras mulheres.

Atleta da seleção brasileira por anos, outra jogadora Sheilla se manifestou sobre a polêmica envolvendo Tifanny, atleta trans que defende o Vôlei Bauru:

“Eu sou contra, depois de ter lido o que ele escreveu, depois de ter falado com outros médicos. Ela (Tifanny) tem ainda corpo de homem por mais que os hormônios estejam agora compatíveis, tem formação de corpo de homem.”

“Imagina se todos os gays, os viados resolverem jogar a Superliga Feminina. Vai virar uma Superliga que vai tirar nosso espaço porque a gente não consegue competir com eles”.

Outro caso interessante: Fallon Fox é lutadora de MMA que luta contra mulheres e ao assistir as lutas no Youtube podemos notar como ELE (sim, continua sendo homem) massacra as oponentes. Uma lutadora por sinal quase teve o rosto fraturado.

Mas aonde se encontram as feministas neste momento? Fogem do debate depois de haverem criado um grande problema. Abriram a caixa de Pandora com teorias sem fundamento e fogem da realidade que bate na porta.

Muitas mulheres ficam revoltadas com este fato dos transsexuais mas ao mesmo tempo atacam o marido, amigo, pai, namorado ou qualquer outra pessoa que questione estes fatos que possuem uma agenda. Estas infelizmente  enxergam homofobia em tudo e repetem frases sem sentido talvez devido a serem doutrinadas a anos e nunca terem questionado o movimento das feministas.

Percebemos cinco pontos neste debate com as malucas feministas:

Primeiro, a tal homofobia e o tal machismo citadas pela suja e nojenta midia feminista nunca existiu desde modo que falam nas redes sociais. Na verdade, existem gays e travestis conservadores que detestam o movimento LGBT. Entre os mais populares podemos citar o falecido deputado Clodovil Hernandes  e o gay conservador Milo Yiannopoulos. Milo é ferrenho questionador do movimento LGBT e feministas. Feministas e militantes LGBT atacam mulheres e gays conservadores pelo simples fatos que feministas e militantes LGBT defendem a esquerda. Muitas mulheres como Erin Pizzey e o nosso grupo aqui sofrem ataques das feministas que querem nos calar.

Segundo, negar fatos e ciências parece ser comum no meio LGBT e feminista. Acusam um casamento entre homem e mulher de algo nocivo para a sociedade e opressão mas acham o mesmo casamento normal entre gays. O mesmo vale se os casais decidirem ter filhos.

Terceiro, usar de fatos e senso comum para desmisticar fraudes e militantes da seita feminista LGBT em nada torna uma pessoa criminosa. As feministas que andam acusando homens injustamente de estupro e querendo sabotar relacionamentos com teorias loucas. Existem muitas outras mulheres ao redor do mundo contra estas doidas chamadas feministas.

Quarto, o movimento LGBT e feminista se aliam em muitos casos a pessoas que querem destruir os valores ocidentais e maltratam mulheres e gays nos seus países de origem sendo que aqui no Ocidente mulheres possuem um ampla gama de direitos e privilégios.

Por último, embora as feministas tanto falem de igualdade pois na teoria o feminismo parece ser bonzinho, na vida real a atitude das feministas mostram extrema invejam, rancor e inveja dos homens. Querem sempre competir sem entender que homens e mulheres se complementam. Elas igualmente mostram a hipocrisia do movimento feminista ao negar os problemas dos homens. Possuem filhos, maridos ou pais?

A falta de empatia do movimento feminista e fuga da fantasia nunca se baseia em fatos. Quem estuda sobre feminismo nunca vai ser feminista.

Sabemos dos podres do feminismo de usar o feminismo e aborto para eliminar pessoas negras, acusar homens injustamente de estupro, enviar homens para morrer na guerra enquanto as feministas ficavam em casa seguras soltando bombas pelas cidades ou  feministas querer doutrinar os próprios filhos.

Repetindo o jornalista gay ant-LGBT Milo Yiannopoulos: O feminismo é um câncer.

 

Uma resposta »

  1. Tenho pena das mulheres e dos Gays nos países comunistas e nos países muçulmanos.

    Nesses países elas apanham e as feministas daqui não fazem nada, as feministas e Gays apoiam o Islã.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s