Quando o feminismo ataca até um recém nascido da família real da Inglaterra.

Padrão

 

bebe real e feministas mulheres contra o feminismo

Mais um exemplo de terrorismo feminista……

Que mundo é esse, hein? O bebê real acabou de nascer, mas já tem feministas e movimentos “sociais” querendo ensinar a família como deve cria-lo. Foram encontrados no twitter os seguintes comentários:

– Todo mundo está dizendo que é um menino, mas nós não saberemos realmente até que a criança anuncie com qual gênero ela se identifica, certo?
– Sério, não é meio cedo para estar forçando modelos de gênero na pobre criança?
– Nascimento do bebê real expõe o amor da mídia pelo patriarcado e a conformidade de gênero. Espero que Will e Kate tenham um bebê saudável e transsexual.
– Então o bebê real não é uma menina. Posso ter esperanças de que ele seja gay ou alguém não conformado com seu gênero? Se não puder, estou entendiado.
– O bebê real é um menino. Ótima forma de decepcionar o Feminismo, Kate! Poderíamos ter uma menina como terceira na linha do trono, mas ao invés disso, é uma festa da salsicha.
– É peculiar que quando a igualdade de gêneros esteja ganhando alguma atenção e não há urgência alguma para ter um homem como herdeiro do trono obsoleto, um homem nasce.
– Pode ser um garoto, depende de como ele vai resolver expressar seu gênero, se é que ele vai querer expressa-lo.
– Ah, por favor, não tentem forçar um gênero ao bebê real, por favor.
– É muito insensível por parte da mídia anunciar que o bebê real é um menino antes que ele tenha a chance de escolher sua própria identidade de gênero.

Fonte: www.facebook.com/asGarotasDireitas

»

  1. Os comentários mostram como as feministas possuem inveja e ódio do sexo masculino.

    Gênero (sexo) não é uma construção social é algo genético, qualquer pessoa que sabe o mínimo de Biologia sabe disso.


    Esse documentário mostra que a taxa de hormônios produzidos NATURALMENTE (por conta das diferenças genéticas entre homens e mulheres) resulta nos comportamentos e preferências dos dois sexos distintos desde o momentos de escolher os brinquedos e as cores dos mesmos logo após o nascimento.

    Se elas ainda não perceberam (pois como toda boa feminista acha que ter um filho é um parasita) quando se leva seu filho para uma loja de brinquedos (que já é uma criança, não mais um bebê), ele ainda não sabe ler, então não sabe “o que é de menina e o que é de menino” e mesmo assim na MAIORIA dos casos, escolhe brinquedos tipicamente do seu sexo.

    Seguindo a lógica feminista as grandes indústrias de brinquedos e as indústrias de moda infantis e adultas nunca teriam crescido e teriam ido à falência pouco tempo depois de sua fundação, mas curiosamente as maiores indústrias de brinquedos são as mais sexistas, pois sabem como é a preferência da maior parte dos integrantes de ambos os sexos.

  2. O nascimento desse bebê mostra que os britânicos conseguem ser mais alienados que os brasileiros.Tantas crianças no mundo morrendo de fome e todo mundo se mobiliza pra adorar um como se fosse um santo.
    A humanidade está mesmo emburrecendo.

    • Sim, as pessoas so se importam com os ricos e famosos, ou bonitos, todo mundo e assim, sendo feminista, machista ou neutro, so querem sabe da midia.

  3. Agora entendo o porquê do aborto ser um tema tão caro às feministas. Se o bebê for do sexo ”errado” (masculino) ele poderá ser morto sob às custas do Estado. Elas já pregam a erradicação do sexo masculino a 10% da população mundial ou a não amamentação de bebês do sexo masculino.

    • Ate que seria bom existir menos homens, seria mais mulheres competindo por 1, mas i ruim e que as feministas escravizariam os homens, esse e o objetivo delas, quanto mais mulheres forem contra o feminismo, mais facil ele vai cair, pra atrair as mulheres pro nossi lado, precisamos respeitar a todas, principalmente acabar com o estupro, principal propaganda nazista, ops feminista.

  4. Isso é revolta contra a natureza. “Identidade de gênero” é a maior imbecilidade que já inventaram. Homens tem cromossomos XY e mulheres XX. Se existem pessoas que se sentem deslocadas em seu corpo, são exceções, e precisam de ajuda para lidar com isso e entender porque isso ocorre com elas. Esses comentários dessas criaturas infelizes só comprovam a insanidade coletiva a qual chegamos.

    • “O bebê real é um menino. Ótima forma de decepcionar o Feminismo, Kate! Poderíamos ter uma menina como terceira na linha do trono, mas ao invés disso, é uma festa da salsicha.”

      Para feministas, não se pode mais nascer um menino.
      Percebe como o próprio sexismo delas e não a livre competição entre os sexos (sem nenhuma lei sexista e nem incentivo e apoio estatal para o sexo feminino), fazem com que elas mesmas reconheçam que o sexo masculino é superior ao feminino?

    • Darei alguns exemplos de ataques:

      1. “Espero que Will e Kate tenham um bebê saudável e transsexual”. Vejo aqui um forte desejo de dar palpite na vida alheia, além de muita, muita inveja. Fora o ódio ao sexo masculino: se é menino, esse louco (ou essa louca) acha que será melhor se for transsexual.

      2. “Então o bebê real não é uma menina. Posso ter esperanças de que ele seja gay ou alguém não conformado com seu gênero?” Vejo aqui, novamente, ódio ao sexo masculino. Se fosse uma menina, ninguém estaria torcendo para que fosse gay ou transsexual. Como se orientação sexual tornasse alguém superior ou inferior aos outros… babaquice total!

      3. “Ah, por favor, não tentem forçar um gênero ao bebê real, por favor”. Vejo aqui, novamente, a necessidade de palpitar na vida alheia. Esta pessoa se acha mais apta que a PRÓPRIA FAMÍLIA DO GAROTO a falar sobre o que é melhor para ele. E, cá entre nós, ninguém melhor que a própria família para saber o que é melhor para os filhos, ok?

      4. “O bebê real é um menino. Ótima forma de decepcionar o Feminismo, Kate! Poderíamos ter uma menina como terceira na linha do trono, mas ao invés disso, é uma festa da salsicha”. Novamente, ódio ao sexo masculino (referindo-se a uma família com predomínio de homens como “festa da salsicha”, essa aí deve ser lésbica, provavelmente, para odiar homens desse jeito!). Além disso, culpa a pobre da Duquesa por ter “decepcionado o feminismo”, como se a Duquesa precisasse carregar esse fardo nas costas, o que não é o caso. Além disso, essa palpiteira aí é muito burra, pois esquece que quem transmite o cromossomo Y (que determina o SEXO MASCULINO) é o PAI!

      Se isso tudo aí não for ataque, eu não sei o que é!

  5. Eu tbm sou revoltado, mas sua atitude e burra, as feministas que entrarem nesse blog vao aproveita teu discurso de odio contra elas e vao distorce fazendo parecer que tu quer matar todas as mulheres, o femi existe pq alguns homens
    maltratam as mulher, odeio quem maltrata mulher igual odeio as feminista, por culpa desses animais nois homens estamos manchados de culpa, mas a culpa e de alguns e todos pagam por esses poucos, seu odio seria mais util se vc usasse pra mata estupradores e homem que bate em mulher sem motivo, se a violencia contra a mulher acabar o feminismo perde seu alicerce, nao sei pq existe homens que maltratam as mulher, elas nao merecem isso, talvez algumas mereceçamque nao vou dizer que se chamam suzane richtofen e ana carolina jatoba…

  6. foi bem parecido com o que a natalie portman sofreu por agradecer por ser mae. Eu fico pensando, se uma mulher bem amada pela familia e amigos (de ambos os sexos) inteligente e bonita viraria feminista? Acho q ñ né? Isso é coisa pra mal amada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s